amazon-mgm-2022

Amazon compra estúdios MGM por 8,45 mil milhões de dólares

A Amazon concluiu, no passado dia 17 de março, a compra dos estúdios MGM, donos de franquias como James Bond e Rocky, por 8,45 mil milhões de dólares. Esta fusão entre Amazon e MGM, um dos mais antigos e prestigiados de Hollywood, tem vindo a ser negociada desde inícios de 2021.

O catálogo da MGM é composto por mais de 4 mil filmes, que inclui clássicos do cinema como “O Feiticeiro de Oz” (1939), “E Tudo O Vento Levou” (1939), “12 Homens e uma Sentença” (1957), “Ben-Hur” (1959), “Quanto Mais Quente Melhor” (1959), “No Calor da Noite” (1967), “Um Violino no Telhado” (1971), “Touro Indomável” (1980), entre outros.

Segundo a Amazon, “O famoso estúdio quase centenário – com mais de 4.000 títulos de filmes, 17.000 episódios de TV, 180 Óscares e 100 Emmys – vai complementar o trabalho da Prime Video e da Amazon Studios ao oferecer uma oferta diversificada de opções de entretenimento para clientes.”

Este acordo vai permitir que os cerca de 4 mil filmes do catálogo da MGM e os cerca de 17 mil programas de séries de TV passem a estar disponíveis na plataforma de streaming da Amazon Prime.

Com este acordo a Amazon passa a ser um forte concorrente no mercado do streaming. Um dos grandes trunfos da MGM é a saga de “James Bond”, “Robocop”, Rocky”, “Tomb Raider”, “The Pink Panther”, entre outras. Para a televisão, o seu catálogo tem séries como “Vikings”, “Fargo” e “The Handmaid’s Tale”.

A Amazon tem atualmente cerca de 175 milhões de subscritores no serviço do Prime Video, estando ainda atrás da Netflix, que lidera o mercado com 208 milhões de subscritores.

Skip to content