O filme “A Juventude” (“Youth”) do italiano Paolo Sorrentino era o mais nomeado aos European Film Awards 2015 (Prémios do Cinema Europeu), e conseguiu triunfar na 28ª edição ao receber o prémio de Melhor Filme Europeu do Ano, Melhor Realizador e o de Melhor Ator (Michael Caine). O ator britânico foi ainda galardoado com o Prémio Honorário.

“Um Pombo Pousou Num Ramo a Reflectir na Existência” (“A Pigeon Sat on a Branch Reflecting on Existence”) do sueco Roy Andersson conseguiu levar o prémio de Melhor Comédia Europeia e o filme “The Lobster” de Yorgos Lanthimos levou o de Melhor Argumento e o de Melhor Guarda-Roupa.

 

Melhor Filme Europeu

Youth, de Paolo Sorrentino

Melhor Realizador Europeu

Paolo Sorrentino, por Youth

Melhor Comédia

A Pigeon Sat on a Branch Reflecting on Existence, de Roy Andersson

Melhor Documentário

Amy, de Asif Kapadia

Melhor Animação

Song of The Sea, de Tomm Moore

Melhor Ator

Michael Caine, em Youth

Melhor Atriz

Charlotte Rampling, em 45 Years

Melhor Argument0

Yorgos Lanthimos & Efthymis Filippou, por The Lobster

Melhor Fotografia

Martin Gschlacht, por Goodnight Mommy (Austria)

Melhor Edição

Jacek Drosio, por Body (Polónia)

Melhor Design de Produção

Sylvie Olivé, por The Brand New Testament (Bélgica/França/Luxemburgo)

Melhor Guarda-Roupa

Sarah Blenkinsop, por The Lobster (RU/Irlanda/Grécia/França/Países Baixos)

Melhor Compositor

Cat’s Eyes, por The Duke of Burgundy (RU/Hungria)

Melhor Design de Som

Vasco Pimental e Miguel Martins, por As Mil e Uma Noites – Vol. I-III (Portugal/Alemanha/França/Suíça)

Prémio Revelação – FIPRESCI

Mustang, de Deniz Gamze Ergüven

Melhor Curta-Metragem

Piknik, de Jure Pavlovic

Prémio do Público

La Isla Mínima, de Alberto Rodríguez

Prémio do Júri Jovem

Il Ragazzo Invisibile, de Gabriele Salvatores

Prémio Honorário

Michael Caine

Prémio Carreira

Charlotte Rampling

European Achievement in World Cinema

Christoph Waltz