FEST Festival Novos Realizadores | Novo Cinema: destaques até 27 de junho em Espinho

A 18ª edição do FEST regressa a Espinho, no Centro Multimeios, no Casino Espinho e no espaço fora de portas FESTival Village, de 20 a 27 de junho e os destaques do programa, mais extenso e mais intenso, são diversos com oportunidades únicas de assistir à presença de nomes como o realizador Gaspar Noé, entre outros.

Gaspar Noe poses for photographers at the photo call for the film ‘Lux Aeterna’ at the 72nd international film festival, Cannes, southern France, Sunday, May 19, 2019. (Photo by Vianney Le Caer/Invision/AP)

Ainda nos cinemas com “Vortex“, um incrível estudo sobre a velhice, Noé é o homem de “Irreversível“, o filme que colocou Monica Belluci numa das mais angustiantes cenas do cinema de sempre. Gaspar Noé é um dos oradores da secção profissional/indústria do FEST, lado-a-lado com nomes como o do britânico Gary Brown, supervisor de VFX (efeitos visuais) em filmes como “Paddington” ou “Baby Driver“, tendo sido nomeado para Emmy em “Into the Storm” (2009), e que vem ao FEST para um dia dedicado aos efeitos visuais. Uma das mais importantes partes da experiência cinematográfica passa pelo som, por isso o FEST preparou este ano um evento especialíssimo dentro da sua edição, o Sound and Music Hub, que vai trazer nos dias 24 e 25 de junho os maiores nomes do som no cinema à Academia de Música de Espinho. O FEST contará também com o norte-americano que neste ano nos impactou com “The Batman“. Will Files é supervisor de som, designer de som e misturador de regravação, e está noutro dos grandes sucessos do momento – “Stranger Things” – onde ganhou Emmy. Entretanto, também, haverá a presença de Caprice Crawford, fundadora e CEO da Crawford Talents, uma agência internacional situada em Berlim e que já representou atores como Orlando Bloom ou Burt Reynolds.

Na programação do Grande Prémio Nacional assistimos a vários regressos, como são os casos de Guilherme Daniel com “Os Abismos da Alma”Débora Gonçalves com “A Felicidade e Coisas Mórbidas”; e Gonçalo Almeida com “A Rapariga de Saturno”, entre outros. O programa conta, por exemplo, com a estreia de “The Event”, co-realizado pelo espinhense Hugo Sousa.

Um dos grandes focos da programação é a Ucrânia, representada na secção Be Kind Rewind, inteiramente focada numa extensão do Festival de Odesa. A Tunísia também assume grande destaque, na secção Flavours of the World, onde vai ser exibida uma série de títulos da era pós Primavera Árabe. E regressam também o FESTinha, secção para crianças e adolescentes, e as sessões de cinema ao ar livre no FESTival Village.

A sessão de encerramento conta com um dos maiores sucessos do Festival de Veneza – “Sundown” – o regresso do mestre Michel Franco num trabalho deveras poderoso mas subtil que conta com performances de luxo de Tim Roth e Charlotte Gainsbourg.

 

Para que seja mais fácil vir ao FEST, continua a parceria com a CP – Comboios de Portugal. De 20 a 27 de junho, a CP leva-o ao FEST com um bilhete especial de 2 euros, ida e volta, nos Comboios Urbanos do Porto, linhas de Aveiro, Braga, Guimarães e Marco. Entre os dias 19 e 28 de junho, poderá usufruir de um desconto de 30%, nas viagens ida e volta, nos serviços Intercidades, InterRegional e ida no serviço Celta.

Skip to content