A 12.ª edição do LEFFEST – Lisbon & Sintra Film Festival, que decorrerá de 16 a 25 de novembro em Lisboa e Sintra, revelou novidades na programação.

Nesta edição, o festival prestará homenagem a João Botelho, com a primeira e mais completa retrospetiva da sua obra em Portugal, e também aos realizadores Mike Leigh, Paul Schrader, Louis Garrel, Mario Martone e Darezhan Omirbayev, que estarão presentes no festival.

Estão confirmadas também as presenças de John Malkovich e Mathieu AmalricDavid Lynch, rosto do cartaz da 12.ª edição, será objeto do ciclo “Waiting For Mr. Lynch”, que inclui as exposições de fotografia “Small Stories”, do próprio cineasta, e “Psychogenic Fugue”, de Sandro Miller, que inauguram a 17 de novembro no MU.SA, em Sintra. 

O júri da Seleção Oficial Em Competição é composto por Walter Salles, Martha Argherich, Jonathan Littell, Stephen Kovacevich, Crhysta Bell e Jorge Queiroz.

Na Seleção Oficial em Competição, agora fechada, entram dois novos filmes: “Blaze”, de Ethan Hawke, e “Ray & Liz”, de Richard Billingham.

À secção Fora de Competição e antestreias em Portugal, juntam-se “Roma”, de Alfonso Cuáron, vencedor do Leão de Ouro no Festival de Veneza e ainda “Suspiria”, de Luca Guadagnino, “Dovlatov”, de Aleksey German Jr, “Rojo”, de Benjamin Naishta, “At Eternity’s Gate”, de Julian Schnabel, “The House That Jack Built”, de Lars Von Trier e “La Flor”, de Mariano Llinás.

A sessão de “A Verdadeira Versão de Torre Bela: Uma Utopia?”, em colaboração com a Cinemateca Portuguesa, integra o ciclo “O Desejo Chamado Utopia” e terá como convidados, entre outros, José Manuel Costa, Chester Harlan, Roberto Perpignani, Camilo Mortágua, Otelo Saraiva de Carvalho, Wilson Filipe, Francisco Fanhais, Vitorino Salomé e, como moderador, Paulo Branco.

Este ciclo conta também com uma “carta branca” a Wes Anderson, que fará um vídeo de apresentação de “Running Fence”, dos irmãos Maysles. Destaque ainda para o cine-concerto com o Rodrigo Amado Motion Trio, que interpretará uma banda sonora inédita para o filme “Fragment of an Empire”, de Friedrikh Ermler.

O ciclo “Neoliberalismo – A Semente do Populismo e dos Novos Fascismos?” destaca  “Mr. Klein – Um Homem na Sombra”, de Joseph Losey (com Alain Delon), e encerrará com um debate com vários convidados, entre eles José Gil, Baltasar Garzón, Aminata Dramane Traoré e Nicolau Santos, seguido da exibição, em antestreia, do filme “The Code”, de Carles Caparrós, apresentado por Baltasar Garzón.

Em Competição
Asako I & II, de Ryusuke Hamaguchi (2018), Japão, França
In My Room, de Ulrich Köhler (2018), Alemanha
L’Empire de la Perfection, de Julien Faraut (2018), França
L’homme fidèle, de Louis Garrel (2018), França
Long Day’s Journey Into Night, de Gan Bi (2018), China
Ozen, de Emir Baigazin (2018), Cazaquistão, Polónia
Sedução da Carne, de Júlio Bressane (2018), Brasil
Transit, de Christian Petzold (2018), Alemanha, França
Vox Lux, de Brady Corbet (2018), EUA
Blaze, de Ethan Hawke (2018), EUA
Ray & Liz, de Richard Billingham (2018), Reino Unido

Fora de Competição
Os Irmãos Sisters, de Jacques Audiard (2018), França, Bélgica, Roménia, Espanha
Capharnaüm, de Nadine Labaki (2018), Líbano
High Life, de Claire Denis (2018), Alemanha, França, EUA, Reino Unido, Polónia
Silvio e os Outros, de Paolo Sorrentino (2018), Itália, França
Loro 2, de Paolo Sorrentino (2018), Itália, França
Non-Fiction, de Olivier Assayas (2018), França
The Wild Pear Tree, de Nuri Bilge Ceylan (2018), Turquia, França, Alemanha, Bulgária, Macedónia, Bósnia Herzegovina, Suécia
Shoplifters – Uma Família de Pequenos Ladrões, de Kore-eda Hirokazu (2018), Japão
Beautiful Boy, de Felix Van Groeningen (2018), EUA
Touch Me Not, de Adina Pintilie (2018), Roménia, Alemanha, República Checa, Bulgária, França
Las Herederas, de Marcelo Martinessi (2018), Paraguai, Uruguai, Alemanha, Brasil, Noruega, França
La Flor, de Mariano Llinás (2018), Argentina
Season of the Devil, de Lav Diaz (2018), Filipinas
Roma (2018), de Alfonso Cuáron, México, EUA
Suspiria (2018)de Luca Guadagnino, Itália, EUA
Dovlatov (2018), de Aleksey German Jr, Rússia, Polónia, Sérvia
Rojo (2018), de Benjamin Naishta, Argentina, Brasil, França, Holanda, Alemanha
At Eternity’s Gate (2018), de Julian Schnabel, Reino Unido, França, EUA
The House That Jack Built (2018), de Lars Von Trier, Dinamarca, França, Alemanha, Suécia

Fonte: Lisbon & Sintra Film Festival