Morreu a atriz Cecília Guimarães

Cecilia-Guimaraes

Com uma carreira de sete décadas no teatro, na televisão e no cinema, a atriz Cecília Guimarães morreu hoje aos 93 anos de idade.

Nascida em 1927, em Lisboa, teve uma longa carreira no teatro e na televisão. Estreou-se no cinema português em “O Primo Basílio” (1959), a convite do realizador António Lopes Ribeiro. Seguiram-se filmes como “Retalhos da Vida de Um Médico” (1963), de Jorge Brum do Canto, “As Horas de Maria” (1977), de António de Macedo, “Bom Povo Português” (1980), de Rui Simões, “Francisca” (1981), de Manoel de Oliveira, “O Lugar do Morto” (1984), de António-Pedro Vasconcelos, “Das Tripas Coração” (1992), de Joaquim Pinto, “Combate de Amor em Sonho” (2000), de Raoul Ruiz, “O Princípio da Incerteza” (2002), de Manoel de Oliveira, “A Filha” (2003), de Solveig Nortlund, “A Passagem da Noite” (2003), de Luis Filipe Rocha, “Axilas” (2016), de José Fonseca e Costa, “A Canção de Lisboa” (2016), de Pedro Varela, e a curta-metragem “Olga Drummond” (2019), de Diogo Infante, o seu último trabalho.

Skip to content