Segundo a actriz Jamie Lee Curtis, filha de Tony Curtis, o actor faleceu hoje, 30 de Setembro, de ataque cardíaco, na sua cama, na casa em Las Vegas. Foi nomeado para um Óscar de Melhor Actor pelo seu papel em “Os Audaciosos” em 1959. Um dos seus filmes mais conhecidos é “Quanto Mais Quente Melhor” (1959), considerada por muitos a melhor comédia de sempre. Realizado por Billy Wilder, Curtis contracenou com dois grandes nomes do cinema da altura, Marilyn Monroe e Jack Lemmon, que também já morreram. “Spartacus” (1960), realizado Stanley Kubrick, onde contracenou com Kirk Douglas e Laurence Olivier, é também um dos seus filmes mais conhecidos.

 

Tony Curtis nasceu a 3 de Junho de 1925 em Nova Iorque, no Bronx, e tornou-se popular nos anos 50 e 60, tendo participado em mais de cem filmes. Curtis era um actor multifacetado, desde a comédia ao drama, participou em todo o tipo de papeis. Recebeu muitos elogios pelas interpretações em filmes como “Trapézio” (1956), “Os Vikings” (1958 ),“Mentira Maldita” (1957), “Quando Ela era Ele” (1964), “A Grande Corrida” (1965) e “O Espelho Quebrado”(1980). Curtis, após cinco divórcios casou-se com Jill Vandenberg Curtis, 42 anos mais nova, em 1998, até morrer.