Chadwick-Boseman

Morreu o ator Chadwick Boseman, aos 42 anos

Morreu esta sexta-feira, 28 de agosto, o ator Chadwick Boseman, o Pantera Negra da Marvel, aos 42 anos, vítima de cancro.

O ator, que nunca falou publicamente que tinha sido diagnosticado com cancro de cólon em 2016, não deixou de trabalhar, tendo participado em 10 filmes nos últimos quatro anos, dos quais se tornou numa estrela com “Black Panther” (2018) e “Da 5 Bloods – Irmãos de Armas” (2020).

“A morte de Chadwick é absolutamente devastadora”, disse Kevin Feige, presidente da Marvel Studios e diretor de criação da Marvel, em comunicado. “Ele era o nosso T’Challa, o nosso Pantera Negra e o nosso querido amigo. Cada vez que ele pisava no set, ele irradiava carisma e alegria, e cada vez que ele aparecia na tela, ele criava algo verdadeiramente indelével. Ele incorporou muitas pessoas incríveis no seu trabalho, e ninguém era melhor a dar vida a grandes homens. Ele era tão inteligente, gentil, poderoso e forte quanto qualquer pessoa que retratou. Agora ele ocupa o seu lugar ao lado deles como um ícone para todos os tempos. A família Marvel Studios lamenta profundamente a sua perda, e estamos de luto esta noite com a sua família.”

Chadwick-Boseman-Black-Panther-2018
Chadwick Boseman em “Black Panther” (2018)

O presidente da Walt Disney Co. Bob Iger disse: “Estamos todos com o coração partido pela trágica perda de Chadwick Boseman – um talento extraordinário e uma das almas mais gentis e generosas que já conheci. Ele trouxe enorme força, dignidade e profundidade para o seu papel inovador de Pantera Negra; destruindo mitos e estereótipos, tornando-se um herói tão esperado para milhões em todo o mundo e inspirando todos nós a sonhar mais alto e a exigir mais do que o status quo…”.

Depois de um início de carreira na televisão, Boseman estreou-se no cinema com “The Express – A História de Ernie Davis” (2008). Mas foi com “42” (2013) que ganhou reconhecimento, ao interpretar o jogador de basebol Jackie Robinson, o primeiro jogador afro-americano da Major League Baseball na era moderna.

Seguiram-se “Draft Day: Dia D” (2014), “Get on Up” (2014), “Capitão América: Guerra Civil” (2016) e “Marshall” (2017). 

Mas foi com o filme de super heróis da Marvel, “Black Panther” (2018), que Chadwick Boseman se tornou numa aclamada estrela de Hollywood. O filme venceu três Óscares em 2019, nas categorias de Melhor Design de Produção, Melhor Guarda-Roupa e Melhor Banda Sonora Original. Venceu também o Prémio de Melhor Elenco nos Screen Actors Guild Awards.

Boseman tinha terminado recentemente as filmagens de “Ma Rainey’s Black Bottom” (2020), de George C. Wolfe, e deixou um projeto no qual seria protagonista “Yasuke”, que se encontrava em fase de pré-produção, no qual iria interpretar um guerreiro do século XVI.