4   +   4   =  

"Vikingland" (2011)_1

Arranca hoje a 1ª edição do Porto/Post/Doc: Film & Media Festival, o novo festival de cinema da cidade do Porto, dedicado ao documentário e às suas ramificações. O certame arranca hoje com o filme espanhol “Vikingland”, de Xurxo Chirro, da secção CineFiesta – Carta Branca a Lois Patiño. Depois de vinte anos, Xurxo Chirro pega nas filmagens feitas por um marinheiro de um ferry que viaja da Dinamarca para a Alemanha. De forma experimental, ele realiza outro filme a partir delas: uma reflexão sobre a imigração espanhola da época, um filme sobre a inocência das gravações originais do marinheiro e sobre os diferentes formatos audiovisuais e as suas épocas áureas. A sessão está marcada para as 18h no Rivoli, Pequeno Auditório.

Mais dois filmes são hoje projectados neste primeiro dia do Porto/Post/Doc, “Todos Vós Sodes Cápitans” de Oliver Laxe (Rivoli, às 21h30) e “School Trip” de Alunos Soares dos Reis (Maus Hábitos, às 22h30) e para terminar o dia, às 23h30 no Maus Hábitos vai decorrer o concerto “Min & Supa” do DJ Set.

O certame arranca hoje, mas a sessão de abertura realiza-se apenas a 6 de dezembro com uma curta cerimónia no Grande Auditório do Rivoli, seguida da exibição do filme “Concerning Violence”, de Goran Hugo Olsson, e pertencente à secção Persona. “Concerning Violence” é uma aguardada ante-estreia nacional.

O Porto/Post/Doc 2014 irá exibir 50 filmes com outras tantas perspectivas pessoais sobre a realidade. São 50 histórias sobre o nosso mundo, contadas pelo olhar de inúmeros cineastas, tanto consagrados como emergentes. São 50 exemplos da produção recente de documentários que, acreditamos, irão enriquecer a vida do público que participe no festival, apresentados de forma clara e assente numa programação que aposta num número reduzido de filmes para que cada um deles tenha oportunidade de encontrar um olhar disponível.

Consultar Programa