8   +   8   =  

"Fuligem" (2014)_1

Terminou à instantes a 38ª edição do CINANIMA – Festival Internacional de Cinema de Animação de Espinho. Pela primeira vez em, 38 Edições, o vencedor do Grande Prémio CINANIMA 2014 é um filme de realização e produção portuguesa, “Fuligem”, de Vasco Sá e David Doutel. A curta-metragem portuguesa, de 14 minutos, venceu ainda o Prémio António Gaio. “O Menino e o Mundo”, de Alê Abreu, venceu o Prémio do Público e o Prémio de Melhor Longa-Metragem, na secção competitiva internacional. A história de um menino que sofre com a ausência do pai e deixa a pequena cidade onde mora para descobrir um mundo fantástico dominado por máquinas-bichos e outros seres estranhos, tem conquistado alguns prémios em festivais de cinema, como por exemplo o Prémio Cristal de Melhor Longa-Metragem na 38ª edição do Annecy e o Grande Prémio da 13ª edição do Monstra, em Lisboa. O Prémio Especial do Júri foi para a curta irlandesa, “Coda” de Alan Holly.

 

Grande Prémio Cinanima 2014

Fuligem, de Vasco Sá e David Doutel (Portugal)

Prémio Especial do Júri

Coda, de Alan Holly (Irlanda)

 

Prémio do Público

O Menino e o Mundo, de Alê Abreu (Brasil)

 

Competição Internacional

Prémio Alves da Costa – Melhor Curta (até 5 minutos)

Sou Como Sou, de Marion Auvin (França)

Menção Honrosa

Eu Espero, de Claire Sichez (França)

Prémio Gaston Roch – Melhor Filme de Escola

Dois Amigos, de Natalia Chernysheva (França)

Menção Honrosa

Vento, de Robert Löbel (Alemanha)

Prémio Melhor Curta (mais de 5 até 24 minutos)

Não Podemos Viver sem o Cosmos, de Konstantin Bronzit (Rússia)

Melhor Longa-Metragem (mais de 50 minutos)

O Menino e o Mundo, de Alê Abreu (Brasil)

 

Competição Nacional

Prémio Jovem Cineasta Português (Menor de 18 anos)

O Duque da Ribeira, de Crianças das oficinas da ANILUPA da Associação de Ludotecas do Porto

Menção Honrosa

A Mulher Esqueto, de Colectivo Cineclube de Viseu

Orchis Mirabilis, de Colectivo de crianças e jovens de Abrantes, sob a Orientação de Tânia Duarte e Ícaro (Bichinho de Animação)

Prémio Jovem Cineasta Português (Maior de 18 anos)

Foi o Fio, de Patrícia Figueiredo

Menção Honrosa

Kilamba, de Bárbara Oliveira

Pass it On, de Teresa Sofia Antunes da Cruz

Prémio António Gaio

Fuligem, de Vasco Sá e David Doutel

 

Sereia Animada

Prémio de Divulgação

Com o Tempo, de Iván Díaz Barriuso (Espanha)

A Lagarta e a Galinha, de Michaela Donini e Katya Rinaldi (Itália)

A Bicicleta do Elefante, de Olesya Shchukina (França)

El Canto, de Inès Sedan (França)

Mutilado, de Alain Fournier (Canadá)

O Som do Toque, de Jean-Charles Mbotti Malolo (França)