FANTASPORTO 2021: Será de novo a montra do cinema mundial

fantasporto-2021-2

É assim que se apresenta um dos mais antigos festivais de cinema em Portugal e um dos com maior projecção internacional. Um grito de esperança que empurra a data um pouco mais para a frente, deixando claro a salvaguarda que ainda tudo pode mudar conforme a evolução da pandemia no nosso país. Apresenta-se assim como o  grande primeiro evento cultural do ano a arrancar a 23 de Fevereiro.

Tendo em consideração as restrições impostas pela atual pandemia, a organização do FANTASPORTO 2021, decidiu manter o evento presencial, honrando a sua tradição de exibir os seus filmes dentro de um teatro e num écran grande, celebrando a união do público com alguns dos melhores filmes feitos em 2020, bem como convidados naquele que será o primeiro grande evento cultural do ano, essencial no calendário cultural nacional e internacional.

O alinhamento do programa oficial de 2021 apresenta as secções habituais, com uma grande diversidade de curtas e longas-metragens, apresentadas em Antestreia Nacional, Internacional ou Mundial. O 41.º Fantasporto terá lugar de 23 de fevereiro a 7 março nas duas salas do Teatro Rivoli. O festival será presencial, seguindo todas as regras impostas pela DGS por causa da pandemia ou outras que venham eventualmente a ser implementadas.

Quanto aos visitantes, estes deverão conhecer as condições gerais a que o Estado Português os obriga, para ver cinema e/ou para a entrada no país. Até recentemente, os visitantes do estrangeiro a chegarem de avião teriam de apresentar no Porto um teste COVID 19 negativo e ficar alguns dias de isolamento. A manterem-se regras como estas após 15 de Fevereiro, e não tendo ainda a certeza absoluta da realização do Festival nas datas programadas, a organização desaconselha a vinda de realizadores e membros das equipas dos filmes ao Porto. Para minimizar esses condicionamentos, propuseram uma presença virtual dos responsáveis dos filmes através de declarações em vídeo. Quanto aos Júris Internacionais, serão fornecidas as condições necessárias para visionamento dos filmes e para a reunião de atribuição dos prémios.

É assim, com grande prazer, que assim anunciamos o alinhamento final do Fantasporto 2021.

Filme Abertura Oficial: Morte em Veneza – Luchino Visconti- 130’ – (Ita/Fra)

Por ocasião do 50.º aniversário da sua produção

Filme Encerramento: No Man’s Land / Terra de Ninguém – Conor Allyn – (EUA)

SECÇÃO OFICIAL DE CINEMA FANTÁSTICO

The Reckoning/O Derradeiro Julgamento – Neil Marshall – 110’ (GB)

Ten Minutes to Midnight- Erik Bloomquist – 73’ (EUA)

LX 2048 – Guy Moshe- 104’ (EUA / Lituânia)

O Cemitério das Almas Perdidas – Rodrigo Aragão- 95’ (Brasil)

The Trouble with Being Born- Sandra Wollner- 94’ (Alem)

Post Mortem – Péter Bergendy- 115’ (Hungria)

Get The Hell Out – I-Fan Wang – 96’ (Taiwan)

Marionette – Elbert van Strien- 112’ (Hol/Reino Unido/Luxemburgo)

Suicide Forest Village – Takashi Shimizu- 116’ (Jap)

Tin Can- Seth A. Smith- 105’ (Can)

The Funeral Home/La Funeraria – Mauro Iván Ojeda- 86’ (Arg)

CURTAS METRAGENS FANTÁSTICAS

Zealandia- Bruno Du Bois- 15’ (N.Zelândia/ Bélgica)

Pandora- Matthias Lerch- 6’59’’ (Alem)

Regarde Ce Que Tu As Fait! – Monica de Almeida- 9’58’’ (Suiça)

Conversaciones con un Mono- Grojo- 15’(Esp)

[Out of Sync] – Sasuke Sayama- 14’ 10’’ (Jap)

Rutina: La prohibición – Sam Orti – 8.15“(Esp)

3 Murs & Un Toit- Mathilde Dugardin, Orane Laffra, Hugo de Magalhães, Wassim El Hammami – 9’10’’ (Fra)

Tongue with Capers/ Llengua amb Tàperes- David Mataró – 15’ (Esp)

Abracitos – Tony Morales – 11’ (Esp)

Carmentis- Anthony Webb- 15’ (Australia)

Out At Night – Christopher Hewitt- 15’ (Reino Unido)

No Podrás Volver Nunca- Mónica Mateo- 14’ (Esp)

Dar-Dar- Paul Urkijo Alijo- 10’ (Esp)

SEMANA DOS REALIZADORES

In the Quarry / En el Pozo- Rafael e Bernardo Antonaccio – 82’ (Uruguai)

Exquisite Corpse/ Cadáver Exquisito- Lucía Vassallo- 88’ (Argentina)

Paper Spiders- Inon Shampanier- 110’- (EUA)

Preparations To Be Together for an Unknown Period of Time – 95’ (Hungria)

Wildcat- Jonathan W. Stokes – 93’ (EUA)

Dinner in America- Adam Rehmeier – 108’ (EUA)

Awauta- Mile Nagaoka- 71’ (Jap)

ORIENT EXPRESS SECTION

Get The Hell Out – I-Fan Wang – 96’ (Taiwan)

Suicide Forest Village – Takashi Shimizu- 116’ (Jap)

Awauta- Mile Nagaoka- 71’ (Jap)

PCP – Prémio Panorama Portugês – MELHOR FILME

Longas metragens

Toponímia- As Memórias do Porto- António Pinto – 82’ (Port)

Um Quadro do Pollock com Sangue – Rui António – 146´ (Port)

A Mulher Sem Corpo- António Borges Correia – 80’ (Port)

40 Anos de Fantasporto- Isabel Pina- 110’ (Port)

Curtas-Metragens

Stepless- Nadège Jankowicz – 3’ 8’’ (Port)

Experimental Horror Film # 1: Skull- Luís Miranda- 1’ 49’’ -(Port)

Aldeia Do Diabo- Bruno Acosta, Marcos Kontze, Melissa Gomes, Tom Freitas- 10’ 50’’ (Port)

Area 51?52! – Alexandra Prates, Tânia Prates- 2’24’ (Port)

Guarda-fato – Gonçalo Silva- 27’ (Port)

Exício- Carolina Ferreira-10’ (Port)

Detetive Volkov – Jorge Sousa e Manuel Pedro Gil- 19’32’’ (Port)

Pequena Desordem Silenciosa- Pedro Senna Nunes – 9’ (Port)

FANTAS CLASSICS / FILMES CULTO

The Fight Club- David Fincher- 139’ (EUA/Alem/ Ita) -1999

Dr Strangelove Or How I Learned to Love the Bomb- Stanley Kubrick – 95’ (G.B./EUA)- 1964

Morte em Veneza (Morte a Venezia) – Luchino Visconti- 130’ – (Ita/Fra) -1971

O Leopardo (Il Gattopardo) – Luchino Visconti – 186’ (Ita/Fra)- 1963