“Harry Potter e os Talismãs da Morte – Parte 1” levou mais de 200 mil espectadores na primeira semana

Mais uma vez, um filme de Harry Potter, leva milhares de pessoas aos cinemas, liderando o Box Office nacional logo na primeira semana. “Harry Potter e os Talismãs da Morte – Parte 1”, de David Yates, foi visto por  200.905 espectadores, obtendo uma receita bruta de 943.827,78€, na semana de 18 a 24 de Novembro. Já, “A Rede Social”, de David Fincher, foi derrotado à terceira semana de exibição, descendo para a quinta posição, com 26.223 espectadores, num total de 132.660 espectadores.

 

O filme canadiano, de Kevin Greutert“Saw 3D – O Capítulo Final”, entrou directamente para a segunda posição com 41.838 espectadores, tendo obtido 276.387,40€ de receita. Tirando, assim, o lugar ao filme “Red – Perigosos”, deRobert Schwentke, que desceu para o terceiro lugar com 31.935 espectadores num total de 75.386, em duas semanas de exibição. “Gru – O Maldisposto” continua a levar bastantes espectadores aos cinemas. Desceu do terceiro lugar para o quarto lugar, com 22.228 espectadores, num total de 255.649, na quinta semana de exibição.

 

O novo filme de Abbas Kiarostami, “Cópia Certificada”, conseguiu um resultado razoável, 2.860 espectadores, tendo em conta que só estreou em duas salas, entre 18 a 24 de Novembro, entrando para o décimo quarto lugar do ranking.

 

No cinema português, “José e Pilar”, de Miguel Gonçalves Mendes, conseguiu resultados fantásticos, tendo em conta que é um filme português, o seu género (Documentário) e sobre a sua temática (um retrato intimo de José Saramago e Pilar Del Rio, durante a escrita do livro “A Viagem do Elefante”). Em apenas uma semana, foi visto por 3.597 espectadores, entrando para a décima terceira posição do ranking.

 

Ranking da Semana: 18 a 24 Novembro

1º – Harry Potter e os Talismãs da Morte – Parte 1

2º – Saw 3D – O Capítulo Final

3º – Red – Perigosos

4º – Gru – O Maldisposto

5º – A Rede Social

6º – Jackass 3D

7º – É a Vida

8º – Os Miúdos Estão Bem

9º – Comer, Orar, Amar

10º – A Cidade