IndieLisboa 2014: Arranca hoje com “Gare du Nord”

"Gare du Nord" (2014)_1

Arranca hoje a 11ª edição do Festival Internacional de Cinema Independente – IndieLisboa 2014, que irá decorrer até 4 de maio, na Culturgest, Cinema São Jorge e no Cinema Londres. O mote para a edição deste ano está ligado ao “da liberdade autoral, uma expressão cinematográfica que está a salvo de constrangimentos criativos: Realizadores independentes, decisões independentes.” 

A cerimónia de abertura realiza-se hoje, no Cinema São Jorge, às 19h, com a ‘docu-ficção’ “Gare du Nord”da realizadora francesa Claire Simon. “Esta ficção de Claire Simon acompanha o documentário Geographie humaine dedicado ao mesmo tema: a Gare du Nord, em Paris. As histórias que se cruzam na maior estação da Europa são agora encenadas neste espaço mas reflectem a mesma ideia de passagem presente no documentário (e, aliás, recuperam algumas personagens). Filmado inteiramente dentro da estação e nas imediações, Gare du Nord conta as histórias de Mathilde (Nicole Garcia), uma professora universitária a fazer quimioterapia, e do jovem Ismaël (Reda Kateb, actor de O Profeta), um estudante de sociologia em pesquisa para um doutoramento sobre a estação como aldeia global. O encontro dos dois repete-se nos dias movimentados da estação onde voltamos a encontrar algumas pessoas cujas histórias se intersectam. Paralelamente, a pesquisa de Ismaël vai dando a conhecer o lado humano de uma estação de imigrantes, emigrantes, turistas e muitas histórias, não só de quem passa, mas dos lojistas, seguranças, empregados de limpeza, traficantes loucos e sem abrigo que são a alma de uma estação vivida à pressa.”

“Outra tónica de reflexão desta 11.ª edição resulta da coincidência de, pela primeira vez, começarmos o festival na data de 24 de Abril, 40 anos depois da Revolução. Daí que tenhamos decidido organizar um pequeno programa de filmes muito recentes que lidam com as questões políticas e sociais desta data específica e do país que se construiu a seguir – ‘República dos Cravos – 25 de Abril Sempre’ é o nome deste programa especial que terá sessões que acontecem nos dias 25 e 26 de Abril.”

O IndieLisboa 2014, de 4000 filmes recebidos, seleccionou ao todo 226 filmes (79 longas e 147 curtas-metragens), sendo que 44 filmes são portugueses (10 longas e 34 curtas metragens), 21 dos quais integram a competição nacional. Para a sessão de encerramento do certame, será projectada a muito aguardada nova obra de Xavier Dolan, “Tom à la ferme”, no dia 3 de maio.

Fonte: IndieLisboa