Arranca hoje a 13.ª edição do Lisbon & Sintra Film Festival com o novo trabalho do cineasta britânico Ken Loach, “Passámos por Cá”, que segundo o Screen Daily é “um dos seus melhores filmes”. O drama, protagonizado por Debbie Honeywood, Kris Hitchen e Rhys Stone, será exibido hoje, pelas 21h30, no Espaço Nimas.

Inserido na Selecção Oficial – Fora de Competição / Antestreias do LEFFEST’19, a exibição de “Passámos por Cá” vai abrir o Simpósio Internacional: Resistências, com o debate “Revolução e Sociedade: Como Lutar Sobre a Questão Social?” que conta com a presença de Juan Branco, Maxime Nicolle, Mehdi Belhaj Kacem e Salah Dabouz.

Exibido na competição do Festival de Cannes em 2019 e escrito por Paul Laverty, o filme reflecte sobre os excessos e a precariedade do mundo moderno através da batalha diária de uma família que luta contra as dívidas contraídas desde a crise de 2008.

“[A história] não é só sobre a exploração dos trabalhadores, mas também sobre as consequências desta exploração nas suas vidas familiares e o modo como esta ressoa nas suas vidas pessoais. A classe média fala de um equilíbrio vida-trabalho enquanto a classe trabalhadora não se pode dar ao luxo de ter essa escolha.” – Ken Loach

Ainda na sessão de abertura, pelas 19h, será exibido o filme “Wolfsburg” (2003), de Christian Petzold (autor de obras como “Yella”, de 2007, ou “Bárbara”, de 2012), que abre a retrospectiva dedicada ao realizador alemão, numa sessão apresentada pelo próprio.

Entre os convidados para a 13.ª edição constam nomes como Wim Wenders, Willem Dafoe, Maria João Pires, Abel Ferrara, Fanny Ardant, Costa-Gavras, Wagner Moura, Corneliu Porumboiu, Alice Rohrwacher, Gonçalo Waddington, Christian Petzold, Rita Azevedo Gomes, Nuno Lopes, entre muitos outros.

Fazem parte da Selecção Oficial em Competição alguns dos melhores filmes produzidos em 2019: “A Criança Zombie”, de Bertrand Bonello, “Patrick”, de Gonçalo Waddington, “Tommaso”, de Abel Ferrara, “A Flor da Felicidade”, de Jessica Hausner”, “Atlantis”, de Valentyn Vasyanovych, “Balloon”, de Pela Tseden, “Fête de Famille”, de Cédric Kahn, “Giants Being Lonely”, de Grear Patterson, “O Que Arde”, de Oliver Laxe, “The Criminal Man”, de Dmitry Mamuliya, e “Violeta”, de Kantemir Balagov.

A Selecção Oficial – Fora de Competição é composta por catorze obras que oferecem ao público um olhar abrangente sobre a produção cinematográfica mundial, todos em antestreia: “A Dog Called Money”, de Seamus Murphy, “A Ilha dos Silvos”, de Corneliu Porumboiu, “Atlantics”, de Mati Diop, “Comportem-se como adultos”, de Costa-Gavras, “Graças a Deus”, de François Ozon, “Guest of Honour”, de Atom Egoyan, “It Must Be Heaven”, de Elia Suleiman, “Martin Eden”, de Pietro Marcello, “O Farol”, de Robert Eggers, “Os Miseráveis”, de Ladj Ly, “Passámos por Cá”, de Ken Loach, “Sibyl”, de Justine Triet, “Uma Rapariga Fácil”, de Rebecca Zlotowski, e “Uma Vida Escondida”, de Terrence Malick.

Simpósio Internacional: Resistências
Comportem-se Como Adultos, de Costa-Gavras
Marighella, de Wagner Moura
Passámos por Cá, de Ken Loach
Joker, de Todd Phillips
Fome, de Steve McQueen

Fonte: LEFFEST 2019