"Amour Fou" (2014)_1

O filme “Amour Fou”, da realizadora austríaca Jessica Hausner, venceu o Prémio de Melhor Filme, na 8ª edição do Lisbon & Estoril Film Festival, que terminou à instantes. “Amour Fou” é uma comédia romântica livremente baseada no suicídio do poeta Heinrich von Kleist em 1811. O Prémio Especial do Júri João Bénard da Costa foi atribuído a “Phoenix”, de Christian Petzold, e o Prémio Revelação TAP foi para “Heaven Knows What”, de Ben Safdie e Joshua Safdie, um filme baseado na história de vida que Arielle Holmes documentou nas suas memórias, “Mad Love in New York City”. O Prémio Melhor Ator/Atriz Nespresso foi para Ingrid García Jonsson, pelo seu desempenho no filme “Hermosa Juventud”. O júri da Selecção Oficial foi composto por Nan Goldin, Dorota Maslowska, Dimítri Dimitriádis, Francisco Tropa e Philippe Parreno.

O prémio MEO – Melhor Curta-metragem foi atribuído, em ex-aequo, aos filmes “Paul et Virginie”, de Paul Cartron (Institut des Arts Diffusion) e “Para Pero Sigue”, de Lud Monaco (ECIB – Escuela de Cine de Barcelona). O júri foi composto por Peter Handke, Dulce Maria Cardoso e Birgit Hutter.

 

Selecção Oficial

Prémio Melhor Filme

Amour Fou, de Jessica Hausner (Áustria)

Prémio Especial do Júri João Bénard da Costa

Phoenix, de Christian Petzold (Alemanha)

Prémio Cineuropa

Angels of Revolution, de Aleksej Fedorchenko (Rússia)

Prémio Revelação TAP

Heaven Knows What, de Ben Safdie e Joshua Safdie (EUA)

Prémio Melhor Ator/Atriz Nespresso

Ingrid García Jonsson, em Hermosa Juventud (Espanha)

 

Secção Paralela

Prémio Melhor Curta-Metragem MEO

Paul et Virginie, de Paul Cartron

Para Pero Sigue, de Lud Monaco

Menções Honrosas

Poço das Almas, de Filipa Pinto (Escola Superior de Teatro e Cinema – Portugal)

Saba, de Sara Santos (Escola Superior de Tecnologia de Abrantes – Portugal)

Do Outro Lado, de Artur Maurício (ETIC – Portugal)